Arcoverde paga o 13º e fecha 2017 com incremento de mais de R$ 4 milhões na economia local


A prefeitura de Arcoverde fecha 2017 com os pagamentos do 13º salário efetuados de todos servidores, comissionados e aposentados. Um incremento de mais R$ 4 milhões injetados na economia local.

Esse cuidado e compromisso com as finanças não é de agora. Arcoverde é o único município de Pernambuco, que mantem os salários reduzidos desde 2015, para enxugar a folha de pagamento. Estão com os salários reduzidos a prefeita Madalena Britto, o vice-prefeito Wellington Araújo e todos os funcionários comissionados.

“Esta decisão é uma marca de coragem e responsabilidade da nossa gestão. Com muito esforço e planejamento temos conseguido enfrentar os obstáculos e manter Arcoverde no rumo do desenvolvimento.”, enfatizou a Prefeita Madalena Britto.

Neste ano de 2017, a prefeitura realizou aportes mensais ao Fundo Municipal de Previdência de Arcoverde – FUMPREMARC, aonde foi investido mais de R$ 7 milhões.

Quer dizer, que mesmo diante das dificuldades financeiras em virtude da seca e da crise nacional, Arcoverde tem avançado.  Quando se analisa os indicadores socioeconomicos do município, por meio das receitas, o município se destaca também, ficando na segunda posição entre as cidades do sertão.

“Com as despesas de pessoal, a cidade cumpre a lei de responsabilidade fiscal e nos demonstrativos contábeis, ficamos em nono lugar no índice de consistência e convergência entre os 184 municípios do estado.”, finalizou o secretário de Finanças Luciano Britto.